12 de janeiro de 2011

Unidos pela paixão (parece tradução de título de filme americano hahaha)

Sei que já se passou algum tempo desde que a famigerada Mayara Petruso falou mal dos nordestinos. Acontece que até hoje eu recebo uma espécie de "e-mail resposta", mostando a contribuição do nordeste para a cultura do país. Até aí, tudo bem. O problema é que o e-mail faz comparações injustas (eu diria até imorais) com a contribuição do sul e do sudeste.

Eu explico: no tal e-mail, o autor cita talentos nordestinos como Jorge Amado, Graciliano Ramos, Rachel de Queiroz e Manuel Bandeira, mas esquece de mencionar que Machado de Assis (eu poderia até parar por aqui), Monteiro Lobato, Mário Quintana e Guimarães Rosa, por exemplo, são filhos do sul e sudeste.

O autor fala sobre Luiz Gonzaga, Caymmi, Zé Ramalho e esquece de falar sobre Psirico, Calypso e É o tchan, ícones contemporâneos da música nordestina. Ele nos lembra que o Rio de Janeiro nos "presenteou" com o funk, mas parece não conhecer cariocas praticamente "anônimos" como Vinícius de Moraes, Tom Jobim e Chico Buarque.

Ou seja, ele juntou um monte de verdades e disse uma grande mentira, bem ao estilo "brasileiro esperto". O que mais me impressiona é que, movidas pela paixão insciente, as pessoas nem ao menos se deram o trabalho de analisar o que foi escrito, elas simplesmente repassaram o "e-mail-resposta" indiscriminadamente, como se fosse uma grande mobilização de heróis na batalha contra o mal, ainda que não entendam exatamente que mal é esse.

Acho mesmo é que elas deveriam aproveitar o ensejo e fugir com o superman.

2 comentários:

  1. Muitas pessoas se sensibilizam com as causas alheias, mas se esquecem de analisar a causa como um todo e armam uma estratégia de defesa suicida, nesse caso o ataque. Diria um ataque sem alvo definido, um falar mal por falar sem nenhum um tipo de embasamento coerente. Cada Estado da sua forma contribuiu para o país que temos hoje, uns mais outros menos, de acordo com suas possibilidades. Não é porque sou de uma família formada por paulistas e mineiros que vou sair atacando cariocas, baianos,paraibanos ou quem quer que seja. A receita é simples se um respeitar o espaço do outro "e-mails" resposta como esse se tornariam desnecessários, bem como a ação anterior a esse email.

    ResponderExcluir
  2. O governador carioca da Bahia, Jaques Wagner, entraria em que categoria nesse e-mail? Orgulho nordestino ou “disgraça” sulista? rs

    (Não resisti)

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...